CIMARRON – 1931

0

TÍTULO ORIGINAL :- Cimarron

DIRETOR :- Wesley Ruggles

ELENCO :-
Richard Dix (Yancey Cravat)
Irene Dunne (Sabra Cravat)
Estelle Taylor (Dixie Lee)
Nance O’Neil (Felice Venable)
William Collier Jr. (The Kid)
Roscoe Ates (Jesse Rickey)
George E. Stone (Sol Levy)
Stanley Fields (Lon Yountis)
Robert McWade (Louis Hefner)
Edna May Oliver (Sra. Tracy Wyatt)
Judith Barrett (Donna Cravat)
Eugene Jackson (Isaiah)
Frank Beal (Louis Venable)
Tyrone Brereton (Dabney Venable)

SINOPSE :-
Estados Unidos, final do século 19. O jovem e idealista Yancy Cravat (Richard Dix) se muda com sua esposa Sabra (Irene Dunne) e seus filhos do estado do Kansas para o Território de Oklahoma, que na época ainda pertencia aos indígenas. Ele trabalha como editor de um jornal, além de ser um advogado e o que mais precisar, se tornando rapidamente uma das pessoas mais influentes da região. Entretanto, Yancy continua sua busca por novos horizontes e deixa sua esposa para viver uma nova aventura na Cherokee Strip. Enquanto isso, Sabra terá de aprender a se virar sozinha.

CURIOSIDADES :-
- Foi pago o valor de U$125,000 pelos direitos de filmagem do romance homônimo de Edna Ferber.

- A cena da “corrida pela terra” levou uma semana para filmar, usando 5.000 extras, 28 cameraman, 6 fotógrafos de cena e 27 assistentes de câmera.

- Um dos figurantes foi Nino Cochise, neto verdadeiro de Cochise, grande chefe Chiricahua. Ele e seu amigo Apache Bill Russell estavam neste filme, assim como vários outros.

- Cravat Yancey, o personagem interpretado por Richard Dix, foi baseado no advogado e pistoleiro Temple Houston – filho de Sam Houston, que seria interpretado por Dix mais tarde em “Man of Conquest” e ganharia nos anos 60 uma série de faroeste baseada na sua vida.

PREMIAÇÕES :-
Ganhou o Oscar 1931, nas categorias:
Melhor Filme,
Melhor Roteiro Adaptado – Howard Estabrook e
Melhor Direção de Arte.
- Indicado, na categoria:
Melhor Direção,
Melhor Ator – Richard Dix,
Melhor Atriz – Irene Dunne e
Melhor Direção de Arte.

Compartilhar.

Sobre autor

Deixe um comentário