terça-feira, 13 de março de 2012

O NOME DA ROSA - 1986

















TÍTULO ORIGINAL :- Der Name Der Rose
DIRETOR :- Jean-Jacques Annaud


ELENCO
Sean Connery (William de Baskerville)
Christian Slater (Adso von Melk)
Helmut Qualtinger (Remigio da Varagine) 
Elya Baskin (Severinus) 
Michael Lonsdale (Abade) 
Volker Prechtel (Malachia) 
Feodor Chaliapin Jr. (Jorge de Burgos) 
William Hickey (Ubertino da Casale) 
Michael Habeck (Berengar) 
Urs Althaus (Venantius) 
Valentina Vargas (Garota) 
Ron Perlman (Salvatore) 
Leopoldo Trieste (Michele de Cesena) 
Franco Valobra (Jerome de Kaffa) 
Vernon Dobtcheff (Hugh de Newcastle) 
Donald O'Brien (Pietro d'Assisi) 
Andrew Birkin (Cuthbert de Winchester) 
F. Murray Abraham (Bernardo Gui)

SINOPSE
Em 1327 William de Baskerville (Sean Connery), um monge franciscano, e Adso von Melk (Christian Slater), um noviço que o acompanha, chegam a um remoto mosteiro no norte da Itália. William de Baskerville pretende participar de um conclave para decidir se a Igreja deve doar parte de suas riquezas, mas a atenção é desviada por vários assassinatos que acontecem no mosteiro. William de Baskerville começa a investigar o caso, que se mostra bastante intrincando, além dos mais religiosos acreditarem que é obra do Demônio. William de Baskerville não partilha desta opinião, mas antes que ele conclua as investigações Bernardo Gui (F. Murray Abraham), o Grão-Inquisidor, chega no local e está pronto para torturar qualquer suspeito de heresia que tenha cometido assassinatos em nome do Diabo. Considerando que ele não gosta de Baskerville, ele é inclinado a colocá-lo no topo da lista dos que são diabolicamente influenciados. Esta batalha, junto com uma guerra ideológica entre franciscanos e dominicanos, é travada enquanto o motivo dos assassinatos é lentamente solucionado.

Curiosidades
- A garota (Valentina Vargas) é a única personagem mulher do longa.
- Christian Slater tinha apenas 15 anos quando realizou a cena de sexo com a personagem de Valentina.
- Contou com filmagens na Itália e na Alemanha.
- O projeto levou cinco anos para sair do papel.
-O orçamento de O Nome da Rosa foi de US$ 20 milhões, sendo que em todo o planeta o filme obteve uma bilheteria equivalente a US$ 77 milhões.

1 comentários:

  1. Excelente filme. Uma verdadeira aula sobre a Idade Média e o poder da Igreja naquele tempo. A biblioteca da abadia com seus monges copistas foi uma reconstrução histórica maravilhosa. Para quem não assistiu fica a recomendação tanto do filme como, principalmente, do livro.

    ResponderExcluir

 

Seguidores

Facebook